Notícia

IPASEAL SAÚDE

Instituto de Assistência à Saúde dos Servidores do Estado de Alagoas
Sexta, 07 Junho 2019 13:47

Hemodiálise: pacientes compartilham histórias de superação

Texto e fotos: Ana Rita Moura

Durante três dias na semana, os irmãos Elba Wanderley, 70, e Enéas Wanderley, 65, possuem em suas agendas uma importante e inadiável reunião familiar. O encontro poderia ocorrer em uma pizzaria, shopping ou até mesmo em um cinema mais próximo. Mas, por motivos de saúde, o compromisso obrigatório acontece em local reservado, especializado e bem diferente daqueles convencionais.

Devido a um problema hereditário, os irmãos Elba e Enéas realizam sessões semanais de hemodiálise na clínica credenciada ao Ipaseal Saúde, Renal Center. Lugar considerado por eles como uma “segunda casa”, devido a ótima convivência entre a equipe de profissionais e os demais pacientes. Mas, a história da família não termina aí.

Elba confessa que existe ainda um terceiro membro, outra irmã, que compartilha da mesma luta, mas que faz diálise na Clínica de Doenças Renais (CDR) do Hospital Sanatório. “Herdamos o problema de saúde nos rins da nossa mãe. Eu fui a última a ser diagnosticada, mas já vinha me preparando para enfrentar esta realidade. Sempre fui muito precavida”, conta.

Hemodiálise - junho 2019

Sempre de bom humor, o irmão Enéas lembra que sua relação com a hemodiálise já dura 11 anos. “Já passei por vários hospitais e clínicas. Mas, posso afirmar que onde estou atualmente é o melhor, devido a atenção dos funcionários, pelo excelente atendimento dos profissionais de saúde, pela infraestrutura, conforto, boa alimentação e equipamentos modernos”, explica o agente de Polícia aposentado.

Hemodiálise - junho 2019

 

Sentado a frente dele está Dilson Gomes, 62, Ele explica que tomou conhecimento do problema de saúde após passar mal em sua casa. “Quando fiz os exames ficou constatado a paralização dos dois rins. Aí fui interno e encaminhado direto a Hemodiálise”, lembra.

Hemodiálise - junho 2019

“Faço diálise por três horas e meia durante três dias na semana. Tomo vários medicamentos contínuos. Com relação a autorização pelo plano de sáude nunca tive dificuldades. Tudo transcorreu normalmente até hoje”, afirma Dilson.

Estatísticas

Atualmente, 18 usuários do plano Ipaseal fazem tratamento em três unidades credenciadas pelo Ipaseal como centros de diálise para doenças renais e sessões de hemodiálise: Clínica Renal Center, Clínica de Doenças Renais (CDR) do Hospital Sanatório e Hospital Veredas (antigo Açúcar). De 01 de janeiro a 07 de junho de 2019 foram realizadas 1.134 sessões de hemodiálises.

Opção de Tratamento

Quando os rins deixam de funcionar, a hemodiálise surge como uma opção de tratamento que permite remover as toxinas e o excesso de água do seu organismo. O paciente insuficiente renal é ligado a uma máquina que puxa seu sangue através de uma bomba circuladora.

Esse sangue passa por um filtro que possui uma membrana semipermeável, que retira as toxinas e as substâncias em excesso, e devolve o sangue limpo para o paciente. Também controla a pressão arterial e ajuda o corpo a manter o equilíbrio de substâncias como sódio, potássio, uréia e creatinina.